27.6.08

Agradável, agradável é acordar às seis da manhã e pouco mais conseguir dormir até à hora a que normalmente acordo para ir trabalhar.

Mais agradável ainda é chegar ao carro e aperceber-me que houve alguém que decidiu brindá-lo com mais uma batida. Vá lá que teve a decência de deixar o contacto e diz estar disposto a pagar tudo. Do mal o menos.

Substancialmente mais agradável é ver novamente o carro bloqueado pelas bestas da Polícia Municipal, pagar uma multa generosa e pensar que deitei dinheiro ao lixo estupidamente.

Agora, agradável mesmo, no bom sentido da palavra, foi aproveitar uma noite fantástica com vocês.

Ah, o carro não voltou a pregar-me mais nenhuma partida, não senhor. Mas, para compensar, o monitor do meu computador decidiu, por vontade própria, alterar a definição de cores. De maneira que estou a olhar para ele e a ficar praticamente cego. Ou então a sentir os mesmos efeitos que sentiria se tivesse enfiado uma pastilha de LSD debaixo da língua. Só faltam mesmo as alucinações. Não deve faltar muito, é certo.

6 comentários:

ana magana disse...

A noite foi, realmente, boa. Algarviana, como disseste. Pena o meu estado gripal, com as vias respiratórias entupidas até ao cérebro, com uma dor de cabeça para lá de chata e com arrepios de frio. Mas foi boa...

maria paula santos disse...

Coitadinho do teu carro, leva pancada de todos os lados.Eu já sabia que te deixaram um bilhete, ainda há gente séria. Também me disseram que ficas um gatão com os óculos de sol. Eu não duvido! Agora que tenho tanto tempo livre os meus "ricos filhos", jâ não são pequeninos. Resta-me esperar por um neto, vou estragá-lo com mimos. Beijinhos

Pedro disse...

Até diria que isso era mimo não fosse o facto de teres espirrado umas 40 vezes para cima de tudo quanto era gente, eu incluído. Mas pronto, podia ter sido pior. Imagina que tinhas caído da varanda? Ou uma garrafa de cerveja se te partia nas mãos? Tens sorte, é o que é…

Pedro disse...

Olha, olha, a pensar num neto.. Não queres adoptar um pretinho de África? Há tantos a passar necessidades.
Brincadeira, vou pensar nisso. No neto, não no pretinho. Não prometo é para quando.
Beijinhos

Maria Soledade disse...

Toc toc...posso entrar??

Há uma coisa que me intriga bastante!O teu carro é mesmo um Lância a sério?Um carro de verdade, daqueles que carregam pessoas e coisas e tudo e tudo e tudo?!
Sabes, é que mais parece um carrinho de choque, daqueles das feiras que passam o tempo todo aos encontrões,é que 'tá tão amassado tadinho!...
Não desanimes,olhas p´ra minha lata toda podre e o teu até te parece um carrão de luxo!

PS:Já viste a tua Mommy a chibar-se?!Nunca mais lhe digo que encontrei um gatão com óculos de sol...brincadeira miúdo.Estou muito contente por ela te deixar tantos miminhos...

Beijinhos

maria paula santos disse...

Não me fales em África que eu nasci lá e mesmo não conhecendo a minha terra gosto muito dela. Se me sair logo o euromilhões, além de dar tudo aos meus filhos, pago a viagem aos meus irmãos. Quanto a adoptar um pretinho se fosse mais nova,fá-lo-ia. Agora estou na idade certa de ter um netinho, já disse, vá lá despacha-te...
Estou a brincar contigo, mas quero muito.
Mudando de assunto, tens tratado bem o Mateus?
Beijinhos