3.4.08

Acordei tão fodido, tão fodido, tão fodido mas tão fodido, que me apetecia mandar toda a gente para o real caralho. Ou quase toda. Uma grande parte, vá.
Pronto, já desabafei. E ai de quem comigo hoje se cruze e pergunte o que é que se passa. É bem provável que seja brindada com uma resposta pouco agradável e um olhar de quem apetece fuzilar alguém . É que se isto não passou depois de bom banho matinal e de um pequeno-almoço como deve ser, a tendência é que não melhore nas próximas horas. Pelo contrário.

Com licença e obrigado por partilharem comigo este momento de, digamos, estupidez. Transmitido por alguém que não tem mais nada que fazer a não ser andar a escrever merdas que não interessam a ninguém num blog que caminha para a demência absoluta. O blog, que o autor já entrou num mundo de absurdos faz algum tempo.

3 comentários:

EU disse...

ai meu deus o que por aqui vai !!!!
vê lá se queres levar 2 açoites :-)

Pedro disse...

Quero. De preferência que me deixem inconsciente durante um longo período, para ver se desligo do mundo por uns tempos.

John River disse...

Fuo****!!! Ca****!!!
Qué isto?
Indecências?