26.3.08

Anda toda a gente indignada porque o Estado quer exigir aos noivos os recibos de tudo o que foi despesa de casamento. Acho bem. Se fosse eu a fugir aos impostos tinha as Finanças em cima não tardaria nada. E não ando para aqui a organizar festas de matrimónio. Pelo contrário, a única que organizei redundou em divórcio quatro anos mais tarde. Portanto, está visto que não tenho jeito para a coisa.

Por falar nisso, não me recordo se os donos das instalações onde consumei a bela da festa chegaram a passar recibo. Paciência, o que paguei depois pelos papéis do divórcio também não deu para descontar no IRS. E ainda foi bastante.

2 comentários:

EU disse...

Sabes, eu acho mesmo é que devias comprar uma pulseirinha nauqelas bancas de rua e não te esqueças de pedir o recibo sim !! Porque esses tb fogem aos impostos lol

Pedro disse...

E quem te disse que não comprei pulseirinhas? Logo duas. Esqueci-me foi de pedir recibo... Mas mais vale ajudar artesãos do que empresas de catering.